21 de set de 2017

Avaliação Língua Portuguesa 1º ano - 3º bimestre

Hoje venho compartilhar mais uma avaliação que acabei de preparar para meus alunos. 
Nada melhor do que encontrar um modelo pronto para imprimir, pois facilita bem mais o trabalho do professor. Espero que gostem!


20 de set de 2017

Atividades para o dia da árvore

Algumas atividades retiradas da net











Primavera










Expressão corporal - Brincadeira da Lava Saia

Ô FULANO ME DIZ COMO É
COMO É QUE SUA MÃE LAVA A SAIA.
Ô FULANO ME DIZ COMO É
COMO É QUE SUA MÃE LAVA A SAIA.
(O participante escolhido entra no círculo) 

É ASSIM, É ASSIM, É ASSIM
É ASSIM QUE MINHA MÃE LAVA A SAIA
(O participante pega o pano e faz o gesto, demonstrando como é que a mãe dele lava a saia.)

Os demais, que estão em círculo, repetem a cantiga, imitando o gesto feito pelo participante que está no centro da roda.

É ASSIM, É ASSIM, É ASSIM
É ASSIM QUE SUA MÃE LAVA A SAIA.  

(Continuar a brincadeira chamando outro participante para entrar na roda.)


E para encerrar a brincadeira:

TODO MUNDO ME DIZ COMO É
COMO É QUE SUA MÃE LAVA A SAIA.
TODO MUNDO ME DIZ COMO É
COMO É QUE SUA MÃE LAVA A SAIA.


Para assistir como é a brincadeira, assista o vídeo abaixo:




18 de set de 2017

Poema para trabalhar as letras do alfabeto

O Batalhão das Letras

Aqui vão todas as letras,
Desde o A até o Z,
Pra você fazer com elas
O que esperam de você…

Aí vem o Batalhão das Letras
E, na frente, a comandá-lo,
O A, de pernas abertas,
Montado no seu cavalo.

Com um B se escreve BALÃO,
Com um B se escreve BEBÊ,
Com um B os menininhos
Jogam BOLA e BILBOQUÊ.

Com C se escreve CACHORRO,
Confidente das CRIANÇAS
E que sabe seus amores,
Suas queixas e esperanças…

Com um D se escreve DEDO,
Que poderá ser mau ou sábio,
Desde o dedo acusador
Ao D do dedo no lábio…

O E da nossa ESPERANÇA
Que é também o nosso ESCUDO
É o mesmo E das ESCOLAS
Onde se aprende de tudo.

Com F se escreve FUGA,
FRADES, FLORES e FORMIGAS
E as crianças malcriadas
Com F é que fazem FIGAS.

O G é letra importante,
Como assim logo se vê:
Com um G se escreve GLOBO
E o globo GIRA com G.

Com H se escreve HOJE
Mas “ontem” não tem H…
Pois o que importa na vida
É o dia que virá!

O I é a letra do ÍNDIO,
Que alguns julgam ILETRADO…
Mas o índio é mais sabido
Que muito doutor formado!

Com J se escreve JULIETA,
Com J se escreve JOSÉ:
Um joga na borboleta,
O outro no jacaré.

O K parece uma letra
Que sozinha vai andando,
Lembra estradas, andarilhos
E passarinhos em bando…

O L lembra o doce LAR,
Lembra um casal à LAREIRA!
O L lembra LAZER
Da doce vida solteira…

Com M se escreve MÃO.
E agora vê que engraçado:
Na palma da tua mão
Tens um M desenhado!

N é a letra dos teimosos,
Da gente sem coração:
Com N se escreve – NUNCA!
Com N se escreve – NÃO!

Outras letras dizem tudo.
Mas o O nos desconcerta.
Parece meio abobalhado:
Sempre está de boca aberta…

Quem diz que ama a POESIA
E não a sabe fazer
É apenas um POETA inédito
Que se esqueceu de escrever…

Esse Q das QUEIJADINHAS,
Dos bons QUITUTES de QUIABO
Era um O tão mentiroso
Que um dia criou rabo!

Os RATOS morrem de RISO
Ao roer o queijo prato.
Mas para que tanto riso?
Quem ri por último é o gato.

Acheguem-se com cuidado,
De olho aceso, minha gente:
O S tem forma de cobra,
Com ele se escreve SERPENTE.

É o T das TRANÇAS compridas,
Boas da gente puxar;
Jeito bom de namorar
As menininhas queridas…

O U é a letra do luto!
O U do URUBU pousado
Nas negras noites sem lua
Num palanque do banhado…

Este V é o V de VIAGEM
E do VENTO vagabundo
Que sem pagar a passagem
Corre todo o vasto mundo.

Era uma vez um M poeta
Que um dia, em busca de uma rima,
Caiu de pernas pra cima
E virou um belo dábliu!
Coisa assim nunca se viu,
Mas é a história verdadeira
De como o dábliu surgiu…

Com um X se escreve XÍCARA,
Com X se escreve XIXI.
Não faças xixi na xícara…
O que irão dizer de ti?!

Ypsilon – letra dos diabos,
Que engasga o mais sabichão!
Por isso o povo e as crianças
A chamam de “pissilão”…

O Z é a letra de ZEBRA,
E letras das mais infames.
Com um Z os menininhos
Levam ZERO nos exames.

E todas as vinte e seis letras
Que aprendeste num segundo
São vinte e seis estrelinhas
Brilhando no céu do mundo!

Mario Quintana 
Poema publicado originalmente no livro Poemas para Infância, retirado de Poesia Completa – Rio de Janeiro: Nova Aguilar, 2005, p.919

Avalianção de Matemática para 1º ano - 3º bimestre

Acabei de preparar para os meus pequenos

13 de set de 2017

Expressão corporal com a cantiga "A cobra não tem pé"

Em círculo, fazer os gestos cantando a cantiga:

A COBRA NÃO TEM PÉ (batendo os pés, no ritmo da cantiga)
A COBRA NÃO TEM MÃO (batendo as mãos, no ritmo da cantiga)
COMO É QUE ELA SOBE NUM PEZINHO DE LIMÃO (fazer gestos com a mão, colocando uma por cima da outra, imitando o subir numa escada)
ELA ESTICA,  (levantar os braços para o alto)
ENCOLHE (abaixar todo o corpo, flexionando as pernas)
SEU CORPO É TODO MOLE (balançar o corpo, ora para a direita, ora para a esquerda, imitando o rastejar da...

Variação:

Em círculos, todos cantando e batendo palmas.

A COBRA NÃO TEM PÉ, A COBRA NÃO TEM MÃO, COMO É QUE ELA SOBE, NUM PEZINHO DE LIMÃO (todos batem palmas, enquanto um participante escolhe um colega)
ELA ESTICA (em frente ao colega escolhido, levantar os braços para o alto)
ENCOLHE (abaixar todo o corpo, flexionando as pernas)
SEU CORPO É TODO MOLE (balançar o corpo, ora para a direita, ora para a esquerda, imitando o rastejar da cobra).

Os dois participantes seguem com a cantiga e os gestos e escolhem, cada um, outro colega para brincar. Depois, os quatro escolhem outros quatro e assim, sucessivamente, até que todos tenham sido escolhidos. 



Pra quem não conhece a cantiga, assistir o final do vídeo abaixo:


5 de set de 2017

poema 7 de setembro



Um tal de Dom Pedro (música da Independência do Brasil)

UM TAL DE DOM PEDRO

DIZEM QUE ERA UM TAL DE DOM PEDRO, SIM
NO SEU CAVALO, À BEIRA DE UM RIO
GRITOU PRA QUEM QUISESSE OUVIR:
INDEPENDÊNCIA OU MORTE!
VIVA O BRASIL!!

DIZEM QUE ERA UM TAL DE DOM PEDRO, SIM
COM SEU CHAPÉU, À BEIRA DE UM RIO
GRITOU PRA QUEM QUISESSE OUVIR:
INDEPENDÊNCIA OU MORTE!
VIVA O BRASIL!!

DIZEM QUE ERA UM TAL DE DOM PEDRO, SIM
COM SUA ESPADA, À BEIRA DE UM RIO
GRITOU PRA QUEM QUISESSE OUVIR:
INDEPENDÊNCIA OU MORTE!
VIVA O BRASIL!!

4 de set de 2017

U de urubu

A Festa no céu

Entre os bichos da floresta, espalhou-se a notícia de que haveria uma festa no Céu. 
Porém, só foram convidados os animais que voam. As aves ficaram animadíssimas com a notícia, começaram a falar da festa por todos os cantos da floresta. Aproveitavam para provocar inveja nos outros animais, que não podiam voar. Um sapo muito malandro, que vivia no brejo,lá no meio da floresta, ficou com muita vontade de participar do evento. Resolveu que iria de qualquer jeito, e saiu espalhando para todos, que também fora convidado. 
Os animais que ouviam o sapo contar vantagem, que também havia sido convidado para a festa no céu, riam dele. Imaginem o sapo, pesadão, não agüentava nem correr, que diria voar até a tal festa! 
Durante muitos dias, o pobre sapinho, virou motivo de gozação de toda a floresta.
_ Tira essa idéia da cabeça, amigo sapo. – dizia o esquilo, descendo da árvore.- Bichos como nós, que não voam, não têm chances de aparecer na Festa no Céu.
_ Eu vou sim.- dizia o sapo muito esperançoso. - Ainda não sei como, mas irei. Não é justo fazerem uma festa dessas e excluírem a maioria dos amimais.
Depois de muito pensar, o sapo formulou um plano. Horas antes da festa, procurou o urubu. Conversaram muito, e se divertiram com as piadas que o sapo contava. 
Já quase de noite, o sapo se despediu do amigo: 
_ Bom, meu caro urubu, vou indo para o meu descanso, afinal, mais tarde preciso estar bem disposto e animado para curtir a festa. 
_Você vai mesmo, amigo sapo? - perguntou o urubu, meio desconfiado. 
_ Claro, não perderia essa festa por nada. - disse o sapo já em retirada.- Até amanhã! 
Porém, em vez de sair, o sapo deu uma volta, pulou a janela da casa do urubu e vendo a viola dele em cima da cama, resolveu esconder-se dentro dela. 
Chegada a hora da festa,o urubu pegou a sua viola, amarrou-a em seu pescoço e vôou em direção ao céu. 
Ao chegar ao céu, o urubu deixou sua viola num canto e foi procurar as outras aves. O sapo aproveitou para espiar e, vendo que estava sozinho, deu um pulo e saltou da viola, todo contente. 
As aves ficaram muito surpresas ao verem o sapo dançando e pulando no céu. Todos queriam saber como ele havia chegado lá, mas o sapo esquivando-se mudava de conversa e ia se divertir. 
Estava quase amanhecendo, quando o sapo resolveu que era hora de se preparar para a "carona" com o urubu. Saiu sem que ninguém percebesse, e entrou na viola do urubu, que estava encostada num cantinho do salão. 
O sol já estava surgindo, quando a festa acabou e os convidados foram voando, cada um para o seu destino. 
O urubu pegou a sua viola e voou em direção à floresta. Voava tranqüilo, quando no meio do caminho sentiu algo se mexer dentro da viola. Espiou dentro do instrumento e avistou o sapo dormindo, todo encolhido, parecia uma bola. 
- Ah! Que sapo folgado! Foi assim que você foi à festa no Céu? Sem pedir, sem avisar e ainda me fez de bobo! 
E lá do alto, ele virou sua viola até que o sapo despencou direto para o chão. 
A queda foi impressionante. O sapo caiu em cima das pedras do leito de um rio, e mais impressionante ainda foi que ele não morreu. 


Nossa Senhora, viu o que aconteceu e salvou o bichinho. Mas nas suas costas ficou a marca da queda; uma porção de remendos. É por isso que os sapos possuem uns desenhos estranhos nas costas, é uma homenagem de Deus a este sapinho atrevido, mas de bom coração.


  • Circule a palavra "URUBU";
  • Pinte os espaços entre as palavras;
  • Conte quantas palavras há em cada verso.



Ouça a música, escrita acima, aqui:






  • Quais os animais que aparecem na quadrinha?
  • Na sua opinião, porque o tatu disse: "Até tu seu urubu, quer a pele do tatu?"

Outras atividades:










3 de set de 2017

Expressão corporal - vídeos com músicas e brincadeiras

Eu chamei o meu doutor


Brincadeira Alface


O trem


Toc Patoc



Lava saia


Música "A Independência"

CERTO DIA DOM JOAO VI FOI EMBORA
MAS DEIXOU SEU FILHO PEDRO A GOVERNAR
NÃO PASSARA AINDA UM ANO DE GOVERNO
E ELE QUIS NOSSA TERRA LIBERTAR.

FOI NA TARDE DO DIA 7 DE SETEMBRO
ANO DE 1822
QUE DOM PEDRO DEU O GRITO DO IPIRANGA
E O BRASIL EM LIBERDADE ENTÃO SE PÔS.

E LEMBRAMOS TAMBÉM JOSÉ BONIFÁCIO
QUE AJUDOU A LIBERDADE DA NASÇÃO
ELE FOI DA INDEPENDÊNCIA O PATRIARCA
E TAMBÉM MERECE A NOSSA GRATIDÃO.




Bingo de frutas

Recorte as cartelas. Cada participante deverá ficar com uma cartela e alguns lápis.
Jogue o dado e a fruta que cair voltada para cima deve ser colorida na cartela.
Ganha quem colorir todas as frutas primeiro e gritar: Bingo!






Partes das plantas e suas funções






31 de ago de 2017

Quadro de lição para casa

Hoje trago para vocês uma super ideia que encontrei no blog da Janaina Spolidorio: um quadro com várias lições para o mês todo.

O quadro de lições facilita demais, pois não é necessário levar uma tarefa por dia para cada aluno, já que está tudo num mesmo lugar, basta o aluno copiar. Sem contar que economiza tempo e papel.

Veja as vantagens, segundo a Janaina:
  1. Nada de desculpa do aluno que esqueceu! É uma rotina e ele tem todas as lições do mês de uma vez só.
  2. É impossível dizer que perdeu. Se perder mesmo, é só mandar outra folhinha e ele terá, novamente, todas as lições do mês. Pode até escrever o nome de cada aluno nas folhas de lição, para não ter desculpa!
  3. Sem problema se o aluno faltar, afinal de contas, ele faltou, mas a lição está lá, prontinha para ele fazer e você não precisa também se preocupar em mandar depois, quando ele voltar para a escola. Já está com ele!
  4. Economiza folha e isso é ótimo! Sabemos o quanto é difícil a questão de cota de folhas nas escolas. Além disso, a questão ambiental também agradece muito a diminuição de 20 folhas para apenas 1.
  5. As lições são sempre curtas e fáceis de corrigir. O professor leva pouco tempo na correção. Minha dica é acostumar os alunos a chegarem e já deixarem o caderno na sua mesa para correção. Se preferir, pode também usar, por exemplo, a sexta-feira, que não tem lição, para corrigir todas as da semana. É rápido do mesmo jeito.


Fiz este quadro de lições, inspirado pelo blog: http://professorajanainaspolidorio.com/licao-de-casa-que-funciona/